Polícia prende criminoso posto em liberdade por conta do coronavírus

Globo News 27/03/2020 Relatar Quero comentar

A polícia civil de das delegacias de Pescaria Brava, Imaruí, Imbituba e Laguna, de Santa Catarina, tiveram que sair para cumprir um mandado de prisão expedido contra um homem que já estava cumprindo pena por trafico de drogas.

Entretanto, ele foi solto por determinação de uma medida que liberou para cumprirem em prisão domicioliar vários apenados do nosso sistema carcerário.

A medida foi em função da pandemia de Covid-19 o novo coronavírus, visando que esses condenados ao cumprirem suas penas em casa, evitem a contaminação em massa do sistema carcerário.

Mas essa medida desagradou grande parte da sociedade, uma vez que essas pessoas serão postas na rua, em um momento que mesmo que desejem trabalhar honestamente largando a vida do crime,serão impedidas pelos decretos de isolamento social e quarentena, e também porque a situação do empregar nesse momento é muito dificil.

O apenado em questão recebeu o benefício para ir para casa, mas assim que saiu, chegou outro mandado de prisão por outro crime que ele também responde.

Então foi necessária uma operação da policia civil para recapturá-lo.

Além disso, em virtude da alta periculosidade, a Polícia Civil realizou diligências com o fim de demonstrar que a prisão domiciliar era inadequada ao caso.

“Fundamentado em relatório circunstanciado das diligências realizadas, o Delegado de Polícia representou ao Poder Judiciário de Imaruí, o qual acolheu a representação, após manifestação favorável do Ministério Público da mesma comarca, cumprindo-se assim o decreto de prisão pelas equipes da Polícia Civil”, informou a corporação.

Comentário do usuário
Você pode gostar